sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Governo faz strip-tease, mostra qual sua verdadeira natureza, diz Requião

Requião, sobre o leilão de Libra: 


"Vejo um lado bom nisso tudo: Nosso governo está fazendo um strip-tease, está desfilando sem a fantasia, está sem máscara e mostrando qual é a sua verdadeira natureza programática e ideológica e isso vai, sem sombra de dúvida, pesar nas próximas eleições". 

E mais: diz que a única explicação para o leilão é o desespero, pois a economia brasileira acumula erros históricos, anteriores aos governos Lula/Dilma, mas continuados por estes, e que, agora, o que se tenta é minimizar esses problemas até a eleição. 

Com relação a isto, eu já venho pontuando que há problemas graves, como a desindustrialização, e que certos porta-vozes, como a revista The Economist e o jornal Financial Times, vêm sinalizando que o tal "mercado" está olhando torto para a economia brasileira. 

Requião diz ainda que Dilma é pior que FHC no que diz respeito ao setor petroleiro. 

Ih, sujou, presidenta maquiada... Ser "pior que FHC" suja de lama o curriculum de qualquer um, porque o governo tucano foi péssimo: subserviente e incompetente. O problema é que o governo do PT, inclusive de Lula, "O Casto", não foi tão melhor assim. Tire-se o alívio proporcionado pelas bolsas para boa parte da população e o que resta? Mesmo assim, é bom saber: quem paga as bolsas é o assalariado, aquele que nem imposto sobre a renda deveria pagar, simplesmente porque salário não é renda. 
As duas caras de Dilma

Aí, vem uma tal socióloga e diz que a "classe média" odeia o Bolsa-Família por preconceito. Ora, claro que há preconceito, mas também há conceito nessa história. É a classe intermediária, a tal "média", que paga as bolsas, integralmente. O andar de cima, os ricos, não pagam nada e são tratados a pão de ló pelo governo do partido que um dia se disse dos trabalhadores. 

Veja e ouça o pronunciamento de Requião acessando o link:
http://www.robertorequiao.com.br/requiao-diz-que-nunca-viu-nada-tao-constrangedor-como-o-leilao-de-libra/

Nenhum comentário:

Postar um comentário